0 0
CONCURSOS > Campinas - SP > Apostila Da Prefeitura De Campinas Professores II e III

PROFESSOR ADJUNTO II ? CIÊNCIAS

PROFESSOR ADJUNTO II ? EDUCAÇÃO ESPECIAL

PROFESSOR ADJUNTO II ? GEOGRAFIA

PROFESSOR ADJUNTO II ? MATEMÁTICA

PROFESSOR ADJUNTO II ? PORTUGUÊS

PROFESSOR BILÍNGUE

PROFESSOR DE EDUCAÇÃO BÁSICA III ? ARTE

PROFESSOR DE EDUCAÇÃO BÁSICA III ? EDUCAÇÃO FÍSICA

PROFESSOR DE EDUCAÇÃO BÁSICA III ? HISTÓRIA

PROFESSOR DE EDUCAÇÃO BÁSICA III ? INGLÊS

PROFESSOR DE EDUCAÇÃO BÁSICA III ? PORTUGUÊS

 

Língua Portuguesa:

Leitura e interpretação de diversos tipos de textos (literários e não literários). Sinônimos e antônimos. Sentido próprio e figurado das palavras. Pontuação. Classes de palavras: substantivo, adjetivo, numeral, artigo, pronome, verbo, advérbio, preposição e conjunção: emprego e sentido que imprimem às relações que estabelecem. Concordância verbal e nominal. Regência verbal e nominal. Colocação pronominal. Crase.

 

Matemática e Raciocínio Lógico:

Operações com números reais. Mínimo múltiplo comum e máximo divisor comum. Razão e proporção. Porcentagem. Regra de três simples e composta. Média aritmética simples. Juro simples. Equação do 1.º e 2.º graus. Sistema de equações do 1.º grau. Relação entre grandezas: tabelas e gráficos. Sistemas de medidas usuais. Noções de geometria: forma, perímetro, área, volume, ângulo, teorema de Pitágoras.

Raciocínio lógico matemático. Resolução de situações-problema.

 

Conhecimentos Pedagógicos :

1) O direito à educação e a função social da escola.

2) Gestão democrática: autonomia e participação como princípios.

3) Concepções de educação e de escola: tendências pedagógicas.

4) Concepções de desenvolvimento e aprendizagem.

5) Projeto político-pedagógico: organização do trabalho escolar.

6) Currículo e trabalho docente: planejamento, seleção e organização dos conteúdos.

7) A avaliação e os processos de ensino e de aprendizagem.

8) Alfabetização e letramento.

9) Direitos humanos e diversidade.

10) Educação inclusiva.

11) Docência e identidade profissional: autonomia, formação e pesquisa.

12) EJA.

13) Cultura digital e uso de tecnologias na educação.

14) Adolescência e juventude.

15) Legislação educacional.

 

Bibliografia:

ABRAMOVAY, Miriam et al. Conversando sobre violência e convivência nas escolas. Rio de Janeiro: FLACSO - Brasil, OEI, MEC, 2012.

ALMEIDA, Fernando José de; SILVA, Maria da Graça Moreira da. Currículo e conhecimento escolar como mediadores epistemológicos do projeto de nação e de cidadania. Revista e-Curriculum, São Paulo, v. 16, n. 3, p. 594-620, jul./set. 2018.

ARROYO, Miguel. Indagações sobre currículo: educandos e educadores: seus direitos e o currículo. Brasília: Ministério da Educação, Secretaria de Educação Básica, 2007.

BUCKINGHAM, David. Cultura digital, educação midiática e o lugar da escolarização. Educação & Realidade, Porto Alegre, v. 35, n. 3, p. 37-58, set./dez. 2010.

CAVALLEIRO, Eliane (org.). Racismo e antirracismo na educação: repensando nossa escola. São Paulo: Summus, 2001. (Capítulos: Educação cidadã, etnia e raça: o trato pedagógico da diversidade, p. 83-96 / A responsabilidade da escola na eliminação do preconceito racial: alguns caminhos, p. 97-114 / O educador, a educação e a construção de uma autoestima positiva no educado negro, p. 161-178).

DUBET, François. O que é uma escola justa? Cadernos de Pesquisa, São Paulo, v. 34, n. 123, p. 539-555, set./dez. 2004.

FERNANDES, Cláudia de Oliveira; FREITAS, Luiz Carlos de. Indagações sobre currículo: currículo e avaliação. Brasília: Ministério da Educação, Secretaria de Educação Básica, 2007.

FLEURI, Reinaldo Matias. Complexidade e interculturalidade: desafios emergentes para a formação de educadores em processos inclusivos. In: FÁVERO, Osmar; FERREIRA, Windyz; IRELAND, Timothy; BARREIROS, Débora (orgs.). Tornar a educação inclusiva. Brasília: UNESCO, 2009. p. 65-88.

FREIRE, Paulo. Pedagogia da autonomia: saberes necessários à prática educativa. São Paulo: Paz e Terra, 1996.

FREITAS, Maria Virgínia (org.). Juventude e adolescência no Brasil: referências conceituais. São Paulo: Ação Educativa, 2005.

GIGLIO, Célia Maria Benedicto. Projetos pedagógicos: utopias para fazer caminhar. Educação: Teoria e Prática, Rio Claro, v. 15, n. 27, p. 37-49, jul./dez. 2006.

HADDAD, Sérgio; DI PIERRO, Maria Clara. Escolarização de jovens e adultos. Revista Brasileira de Educação, Rio de Janeiro, n. 14, p. 108-130, maio/ago. 2000. IVIC, Ivan. Lev Semionovich Vygotsky. Recife: Fundação Joaquim Nabuco; Editora Massangana, 2010. p. 11-35.

LA TAILLE, Yves de. A dimensão ética na obra de Jean Piaget. Série Idéias, n. 20. São Paulo: FDE, 1994, p. 75-86.

LIBÂNEO, José Carlos. Tendências pedagógicas na prática escolar. In: LIBÂNEO, José Carlos. Democratização da escola pública: a pedagogia crítico-social dos conteúdos. São Paulo: Loyola, 1992. (Capítulo 1).

LOURO, Guacira Lopes. Gênero e sexualidade: pedagogias contemporâneas. Pro-Posições, Campinas, v. 19, n. 2 (56), p. 17-23, maio/ago. 2008.

LUCKESI, Cipriano. Verificação ou avaliação: o que pratica a escola? Série Idéias, n. 8. São Paulo: FDE, 1998, p. 71-80.

MANTOAN, Maria Teresa Eglér. Diferenciar para incluir: a educação especial na perspectiva da educação inclusiva. Diversa, publicado em 22 set. 2011.

MARQUES, Amanda; PIMENTA, Selma Garrido. É possível formar professores sem os saberes da pedagogia? Uma reflexão sobre docência e saberes. Revista Metalinguagens, São Paulo, n. 3, p. 135-156, maio 2015.

MORTATTI, Maria do Rosário Longo. Educação e letramento. São Paulo: Unesp, 2004.

PARO, Vitor. Escritos sobre educação. São Paulo: Xamã, 2001. (Capítulos: Educação para a democracia: o elemento que falta na discussão da qualidade do ensino, p. 33-47 / A gestão da educação ante as exigências de qualidade e produtividade da escola pública, p. 91-99 / Autonomia escolar: propostas, práticas e limites, p. 113-116).

PARO, Vitor Henrique. Reprovação Escolar: renúncia à educação. 3 ed. Rev. - São Paulo: Cortez, 2021.

TARDIF, Maurice. Saberes docentes e formação profissional. Petrópolis: Vozes, 2002.

 

Legislação:

BRASIL. Constituição da República Federativa do Brasil (atualizada). Brasília: Imprensa Oficial, 1988 (artigos 205 a 214).

BRASIL. Lei nº 8.069, de 13 de julho de 1990. Dispõe sobre o Estatuto da Criança e do Adolescente e dá outras providências. Diário Oficial da União, Brasília, 16 jul. 1990. (artigos 1º ao 6º; 15 ao 18-B; 53 a 59; 131 a 138). BRASIL. Lei nº 9.394, de 20 de dezembro de 1996. Estabelece as diretrizes e bases da educação nacional (atualizada). Diário Oficial da União, Brasília, 23 dez. 1996.

BRASIL. Ministério da Educação. Base Nacional Comum Curricular. Brasília: SEB, 2017. (Introdução e Estrutura da Base).

 BRASIL. Lei nº 13.146, de 6 de julho de 2015. Institui a Lei Brasileira de Inclusão da Pessoa com Deficiência (Estatuto da Pessoa com Deficiência). Diário Oficial da União, Brasília, 7 jul. 2015. (Capítulo IV - Do direito à Educação).

BRASIL. Ministério da Educação. Política Nacional de Educação Especial na Perspectiva Inclusiva. Brasília: MEC/SECADI, 2008.

BRASIL. Lei nº 13.005, de 25 de junho de 2014. Aprova o Plano Nacional de Educação - PNE e dá outras providências. Diário Oficial da União, Brasília, 16 jun. 2014.

BRASIL. Ministério da Educação. Resolução CNE/CEB nº 4, de 2 de outubro de 2009. Institui Diretrizes Operacionais para o Atendimento Educacional Especializado na Educação Básica, modalidade Educação Especial. Diário Oficial da União, Brasília, 5 out. 2009.

CAMPINAS. PORTARIA SME Nº 13 de junho de 2016, que institui a política educacional para pessoa com surdez e com deficiência auditiva na rede municipal de ensino de Campinas (Publicação Diário Oficial do Município de 27/06/2016.

CAMPINAS. Diretrizes Curriculares da Educação Básica para a Educação Infantil: um processo contínuo de reflexão e ação. Campinas, SP, 2013.

CAMPINAS. Diretrizes Curriculares da Educação Básica para o Ensino Fundamental ? Anos Iniciais. Campinas, SP, 2013

CAMPINAS. Diretrizes Curriculares da Educação Básica para a Educação de Jovens e Adultos ? Anos Finais. Campinas, SP, 2013

CAMPINAS. Diretrizes Curriculares da Educação Básica para o Ensino Fundamental ? Anos Finais (2ªed.) Campinas, SP,2015.

CAMPINAS. Diretrizes Curriculares da Educação Básica para a Educação de Jovens e Adultos ? Anos Finais. Campinas, SP, 2013.

CAMPINAS. Caderno Curricular temático: Ações Educacionais em Movimento ? Vol I ? Espaços e Tempos na Educação das Crianças

CAMPINAS. Caderno curricular temático : narrativas sobre educação especial nas escolas da rede municipal de ensino de Campinas [livro eletrônico] : tecendo currículo de acesso, permanência e construção de conhecimento / Prefeitura Municipal de Campinas, Secretaria Municipal de Educação. -- 1. ed. -- Campinas, SP : PM/Campinas, 2020.

Caderno CurricularTemático: Ações Educacionais em Movimento ? Vol. V ? Educação Integral ? Parte 1.

Caderno Curricular Temático Vol VI ? Programa Pesquisa e Conhecimento na Escola (PESCO) ? Parte 1.

Caderno Curricular Temático Vol VI ? Programa Pesquisa e Conhecimento na Escola (PESCO) ? Parte 2.

Caderno Curricular Temático Educação Básica : ações educacionais em movimento relações étnico-raciais afrobrasileiras : subsídios à ação educativa / Prefeitura Municipal de Campinas, Secretaria Municipal de Educação.? Campinas, SP: Prefeitura Municipal de Campinas-SP, 2021.

Caderno curricular temático [recurso eletrônico] : educação básica : ações educacionais em movimento : arte, música e educação : tudo é coisa musical... / Prefeitura Municipal de Campinas, Secretaria Municipal de Educação, Departamento Pedagógico.? Campinas, SP: Prefeitura Municipal de Campinas-SP, 2021.

Avaliação como instância mediadora da qualidade da escola pública ? Vol 1.

Avaliação como instância mediadora da qualidade da escola pública ? Vol 2.

Quadros de Suporte Pedagógico para as Diretrizes Curriculares do Ensino Fundamental Anos Iniciais: subsídios á prática educativa: Prefeitura Municipal de Campinas, Secretaria Municipal de Educação, Departamento Pedagógico/Assessoria de Currículo e Pesquisa Educacional, Campinas, SP, 2013.

Quadros de Suporte Pedagógico para as Diretrizes Curriculares do Ensino Fundamental Anos Finais: subsídios à prática educativa: Prefeitura Municipal de Campinas, Secretaria Municipal de Educação, Departamento Pedagógico/Assessoria de Currículo e Pesquisa Educacional, Campinas, SP, 2013.

Quadros de Suporte Pedagógico para as Diretrizes Curriculares do Ensino Fundamental Anos Finais: subsídios à prática educativa: Prefeitura Municipal de Campinas, Secretaria Municipal de Educação, Departamento Pedagógico/Assessoria de Currículo e Pesquisa Educacional, Campinas, SP, 2013.

 

Prova Simulada

Para maiores informações, por favor visite a página do fabricante .

star
star
star
star
star
Itaú Depósito ou Transferência Bancária
1
X
60,00
Caixa Econômica Federal Depósito ou Transferência Bancária
1
X
60,00
PIX
1
X
60,00
PagSeguro (Boleto ou Cartao)
1
X
60,00

PORTAL DE APOSTILAS
T. PORTAL DE APOSTILAS
P. CNPJ: 34.661.617/0001-70
INFORMAÇÕES
CONTATO
E., , , - /
C.
F. (11) 95719-1470
W.(11) 95719-1470
`Pague com PagSeguro
>>